Garagem náutica

A garagem náutica funciona de terça-feira a domingo no horário de 08h às 18h, com treinos das Classes Optimist, Laser, Dingue e Snipe, e cursos das classes Optimist e Dingue aos Sábados e Domingos.

Venha conhecer e participar.

=================================

REGULAMENTO  DA  GARAGEM  NÁUTICA

1. As dependências da Garagem Náutica destinam-se, exclusivamente, à guarda das embarcações de propriedade do Clube e de seus associados observadas as normas estabelecidas pelo presente Regulamento.

1.1 Poderá ser aberta exceção, em caráter precário, para a guarda de embarcações de terceiros, desde que seja de interesse da vice comodoria náutica e a critério da mesma, entretanto não estando isenta a obrigação de cumprir este regulamento. Não gerando em qualquer hipótese, qualquer tipo de direito.

2. O horário normal de funcionamento será das 8 às 18h  exceto nos dias em que o Clube não funcione (normalmente nas segundas-feiras).

2.1  – Nos dias de Regata na Lagoa Rodrigo de Freitas, o horário poderá ser prorrogado pela Vice-Comodoria Náutica.

2.2 – No período de horário de verão este horário poderá ser adaptado.

3. Caso haja vaga, o associado do Clube poderá guardar sua embarcação na Garagem Náutica, mediante o pagamento mensal de uma taxa de permanência de embarcação, fixada seu teto, pelo Conselho Diretor, não devendo ser superior a 50% da mensalidade em vigor, exceto para lanchas que é tratada em parágrafo especifico, podendo ser reduzida a critério da vice comodoria Náutica a titulo de estímulo ao esporte de competição. A guarda de embarcações acarreta no imediato aceite deste regulamento sendo considerado para todos efeitos como aceito o termo de compromisso anexo (anexo 1).

3.1. Nenhuma embarcação poderá entrar no Clube sem que esteja devidamente regularizada na Capitania dos Portos do Rio de Janeiro.

3.2  – Todas as peças dos barcos, móveis ou que possam ser removidas ainda que temporariamente fixas, tem que ser guardadas pelos donos, ainda que marcadas, pois o Clube, em nenhuma hipótese, se responsabilizará pelas mesmas, por não ter controle sobre estas.

4. O associado, ou seu preposto devidamente credenciado, conforme anexo nº 3, que desejam retirar do Clube a sua embarcação, temporária ou definitivamente, deverá obter da Vice-Comodoria de Assuntos de Esportes Náuticos a indispensável autorização, que será concedida pelo documento denominado “PASSE DE SAÍDA / RETORNO” (Anexo nº 2).

4.1 – Fica assegurado o direito de retorno da embarcação pelo prazo de 90 dias, desde que mantenha em dia as suas obrigações com o Clube.

5. O associado que se atrasar no pagamento da taxa de aluguel, por três meses consecutivos, ficará sujeito à suspensão de seus direitos junto ao clube, até que o débito seja pago, sendo exigida a imediata retirada da embarcação.

5.1 – O associado, penalizado na forma prevista neste item, perderá o direito do uso da Garagem para qualquer embarcação em seu nome, até que pague o seu débito, acrescido de multa de 20%, correção monetária e juros de mora.

6. As embarcações serão obrigatoriamente seguradas contra os riscos de fogo, roubo e danos, anualmente, pelo proprietário, que deverá remeter cópia ao Clube.

6.1 – Fica entendido que o Clube não será responsável pelo desaparecimento, no todo ou em parte, do bem guardado na Garagem Náutica por não ter ingerência sobre os mesmo.

7. Os escaninhos existentes na Garagem Náutica são para a guarda de pertences dos associados, mediante o pagamento de uma taxa anual, fixada pelo Conselho Diretor.

7.1 – O associado que se desfizer de sua embarcação perderá, automaticamente, o direito ao uso do escaninho, devendo esvaziá-los imediatamente.

7.2 – Nas dependências para a guarda de material náutico do Clube, só é permitido a guarda de motores de popa e os tanques de gasolina vazios em cavaletes dos associados, não sendo permitido qualquer exceção, sendo também devida a referida taxa, sobre total responsabilidade de seu proprietário.

8. Compete ao associado, ou pessoa por ele assalariada, a manutenção e conservação da embarcação de sua propriedade.

8.1 – O associado, ao contratar serviços de terceiros para a manutenção de sua embarcação, deverá dar ciência a Vice-Comodoria de Assuntos de Esportes Náuticos e obter a necessária autorização de trânsito do contratado nas dependências do Clube, cabendo ao sócio toda responsabilidade por qualquer ato praticado pelo mesmo.

8.2 – Nas dependências destinadas aos motores e tanques de gasolina somente será permitida a entrada de empregados da Garagem.

9. A Vice-Comodoria de Assuntos Náuticos poderá reduzir ou isentar do pagamento da taxa de permanência de embarcação os associados, e ou competidores,  que participem das regatas do calendário oficial da FEVERJ, velejando como representante do Clube dos Caiçaras.

10. A desobediência ou infração a qualquer das disposições deste Regulamento, sujeitará o infrator às sanções previstas no Estatuto do Clube.

11. As lanchas de Esqui estão admitidas, em caráter precário,  de acordo com o número de vagas, no setor próprio desde que cumpram a legislação pertinente.

12. Para efeito deste regulamento ficam estabelecidas as seguintes taxas, vinculadas a taxa de manutenção do clube.

A. Optimist ou similares – 15% da taxa de manutenção
B. Laser e Dingue – 20% da taxa de manutenção
C. Snipe ou similar- 25% da taxa de mensalidade
D. Pranchas de Wind Surf (desmontadas)- 15%
E. Prancha de Stand UP ou similar- 15%
F. Caiaques ou similar (um tripulante)- 20%
G. Botes menores que 3 metros – 40% da Taxa de mensalidade
H. Motores de popa- 30% da taxa de mensalidade
I. Lanchas de esqui- 100% da taxa de mensalidade

(O presente Regulamento foi revisado e aprovado em 27/02/2012 ).